Como eu era antes de você - Jojo Moyes


Sabe quando você queria muito um livro e ele aparece na livraria em promoção? Então, foi exatamente isso que aconteceu. Tinha altas expectativas sobre o livro e acho que isso acabou atrapalhando na hora de ler [ :( ] mas espero ainda ler outras obras da autora.

Como eu era antes de você conta a história de Louise (Lou) Clark de 26 anos que ainda mora com seus pais, a irmã, o sobrinho e o avô que tem necessidade de cuidados especiais. Ela é satisfeita com a vida que tem: trabalha como garçonete, o que ajuda na renda da família, e namora com Patrick, um triatleta que realmente não se importa com a relação dos dois. Acontece que, um dia, o patrão dela decide fechar a cafeteria onde Lou trabalha. Sem muitas experiências profissionais, ela parte em busca de um novo emprego até que encontra uma vaga de cuidadora de um tetraplégico. O que ela não esperava era que Will Traynor fosse mudar (totalmente) suas expectativas de vida.


A história de Lou e Will é bastante intensa, principalmente por ele ter tido uma vida perfeita e, por segundos, tê-la perdido, deixando seu coração amargurado. Para quem ainda não conhece, Will era aquele tipo de cara aventureiro, rico e encantador. Vivia a vida todos os dias como se não houvesse amanhã (também, com tanto dinheiro, quem não iria rs). Viajou o mundo todo (ou quase todo) e tinha uma carreira bem sucedida, com uma namorada linda, se não fosse o fato de ele sofrer um acidente que acabaria com tudo. Agora, ele se vê em uma cadeira de rodas, tetraplégico, onde fica dependente das pessoas para fazer tudo e mais um pouco. Já Lou é totalmente o inverso de Will. Toda vida ela foi satisfeita com a "vidinha" que ela levava (isso me irritou muuuuito durante o livro), pois nunca almejou grandes coisas e era "feliz" com o pouco que tinha.
Quando Lou chega para trabalhar na casa da família Traynor, já chega sabendo que várias cuidadoras tinham desistido de cuidar de Will, pois ele é muito irritante e mal-humorado com as pessoas e agora era vez de Lou saber lidar com essa situação durante os 6 meses de contrato. Recebia super bem então essa renda era importante para sua família. Aos poucos ela começa a se familiarizar com Will e, aos poucos, vai tornando a vida dele um pouco mais "fácil" de se lidar, pois não é fácil você ter sua vida "destruída" de forma tão rápida e triste como fora para o Will.

Achei a história legal, emocionante, cativante e inspiradora. A capa é super bem elaborada, com verniz localizado e tudo mais, mas só não gostei muito da diagramação, achei a fonte um pouco pequena e me incomodou um pouco pra ler, mas acho que vai da pessoa, porque eu uso óculos então pode ser que pra você seja diferente. Fora isso os espaçamentos estavam ótimos. O que me incomodou um pouco na leitura foi que, em alguns momentos, a autora detalhava demais uma parte da cena e isso cansava um pouco. Como eu tinha lido anteriormente dois livros de romance: Como dizer adeus em robô e A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista, não sei se isso de fato atrapalhou, mas acho que criei muita expectativa para o livro e isso fez com que ele fosse abaixo do que eu esperava. Gostei dos personagens, mesmo a Lou sendo estática no começo e irritante em alguns momentos, a autora soube desenvolver as características dela. Gostei do Will, pois mesmo ele numa cadeira de rodas, ele depois começa a enxergar que a vida não acaba só porque ele está em uma cadeira. Isso faz a gente pensar bastante: "Como você aproveita sua vida ?" ou "Você está feliz com as realizações que você fez?", faz com que a gente questione muito sobre como estamos vivendo e como a família é importante, pois a família de Will parece perfeita, mas não sabe como lidar com a situação dele, principalmente a mãe e o pai que acaba vivenciando algo nunca esperado. E como a família de Lou se comporta nessa mudança da filha ao longo do livro. 





O livro em si é muito bom, para quem gosta de romances desse tipo é uma ótima escolha, pois ele vai além daquele "clichê" de se apaixonarem e viverem felizes para sempre. Eu recomendo, mesmo ele sendo abaixo do que eu imaginava, acho que vai muito do momento que você vai ler. É um livro forte, pois você acaba sentindo as angústias do Will em todos os momentos e faz a gente refletir muito, além de ver como uma pessoa pode (literalmente) transformar a outra. Achei isso fantástico.


Espero que tenham gostado da resenha, deixem nos comentários o que acharam do livro (sem spoilers) ou da resenha. Obrigada pelo carinho e até a próxima!

Beijocas


Livro: Como eu era antes de você
Autora: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Páginas: 318
ISBN: 978-85-8057-329-9
Nota: 4/5





Share on Google Plus

About Alexsandra Ferreira

Alexsandra tem 20 anos, virginiana e universitária, que ama filmes, música e compras, além de desenhar nas horas vagas e cantar (tentar). Quer fazer Ciências Contábeis após a Pós-Graduação e quem sabe, vários cursos voltados para web design, que tem tudo a ver (haha sqn). Sonha conhecer o mundo todo (seja pelos livros ou não), mas parte dele também vale.

2 comentários:

  1. Que pena que você não teve tudo o que esperava desta leitura. Eu tenho vontade de ler este livro, mas tenho muitos na frente dele, então... Provavelmente, colocarei ele mais a frente dos outros, já que você disse que não é clichê. Gostei da resenha! Beijo,
    entreeleitores.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, e olha que todo mundo elogia muito esse livro, acho que foi o momento que eu li que não foi muito apropriado rs. Espero que você goste dele!!

      Beijocas <3

      Excluir