Comentando Séries #2: O que eu vi na Mid-Season

kibei do http://seriesblog.tv/

Olá Estranhos da Internet!

Demorei, mas finalmente voltei pra falar de um dos meus grandes vícios da vida, séries. Esse post era para ter saído a algumas semanas, antes de começar a fall season, aquela época quando estreiam séries novas e as antigas voltam para mais uma temporada (isso se não forem canceladas, é claro), por que na mid-season, quando as séries mais famosas dão um break, eu comecei a assistir algumas coisinhas, principalmente por que fiz o melhor investimento da minha vida, ASSINEI O NETFLIX!! Enfim, nesse post terão só essas séries e desenhos, que assisti nessa mid-season e daqui a algumas semanas eu volto para falar das novidades da fall season que estou acompanhando, que são muitas.


Um dos motivos de eu amar a mid-season é que nessa época volta a minha série teen sobrenatural favorita, e a única que eu assisto, Teen Wolf, e gente o que foi essa season 4, infelizmente não foi melhor do que a sensacional 3B, mas também foi de arrepiar. Quando foi revelado quem era o Benefector, o grande vilão da temporada, foi mais ou menos assim que me senti:


Em compensação ainda estou de saco cheio do Scott não matar ninguém e desculpa sociedade, mas não sinto falta nenhuma da personagem chata que morreu no final da 3B.

Outra série que voltou nessa Mid-Season foi Avatar: The Legend of Korra, que muita gente não gosta, e eu simplesmente não entendo por que. Eu não estou acompanhando muitos desenhos que passam na TV ultimamente, mas tenho noventa por cento de certeza que Korra é o que tem melhor roteiro e desenvolvimento de personagens e o final desse livro três foi de partir o coração, acho que um dos episódios mais tristes que eu já vi em um desenho.

Outro episodio que foi de partir o coração, e talvez tenha sido um dos episódios mais bem trabalhados de toda a franquia Avatar foi o segundo episodio do livro quatro, onde vemos o que os acontecimentos do livro 3 causaram a Korra e como ela está vivendo depois disso e no final do episodio temos a aparição de uma das personagens mais queridas da franquia Avatar.
Eu também não acreditei Korra


Como os acontecimentos em The Legend of Korra foram super tristes, por assim dizer, resolvi ver uma coisa um pouco mais leve e divertida , mas com a mesma profundidade, corri pro Netflix e fui ver Avatar: The Last Airbender e percebi como estava com saudades do Aang e da sua turma, estou bem no comecinho do livro um, vendo despretensiosamente, mas me divertindo um bocado.


Acabei entrando nesse clima meio nostálgico e me bateu a saudade de um outro desenho que eu acompanhei fielmente antes mesmo de acompanhar Avatar, baixei todas as temporadas de Digimon e estou revendo tudo, estou na metade de Digimon: Adventure, vendo despretensiosamente também, 



E ai como essa fall season iria ter estrear séries de grandes heróis da DC que estou louco pra ver (Flash, Gothan, Constantine), resolvi dar uma chance a Arrow, que eu só não havia começado a assistir por que muitos amigos meus que tem o gosto bastante parecido com o meu falavam que a série é meia "Zzzzzz" e de fato a série tem alguns episódios que dão vontade de dormir, mas são a minoria, pois fiquei bastante viciado na ação dela. Não é aquela maravilha de roteiro, mas é ótima pra entreter. Terminei as duas temporadas em menos de três meses e até agora só tenho um problema, e o nome dele é Stephen Amell (ator que interpreta o Oliver Queen), não sei se só sou eu que acho isso (espero que não, para não parecer inveja minha KK), mas gente como o cara atual mal, eu fico incomodado todas as cenas em que ele aparece como Oliver, como Arqueiro beleza, por que ele dá porrada o tempo todo, mas fora isso, até pra andar o cara parece um robô. Enfim, pelo menos pra compensar temos a Felicity, que de longe é a melhor personagem da série inteira, que alias espero que fique com o Barry Allen (vulgo Flash).

Felicity ele tem a própria série, supervelocidade e NUNCA te deixou na FriendZone #TeamBarry

Bom pessoal, foram essas as séries que acompanhei durante a mid-season e prometo que logo mais volto com quais novidades da Fall Season estou acompanhando. Até a próxima!


Share on Google Plus

About Erick Sant Ana

22 anos, também conhecido como o terror das Coca-Colas alheias, hiperativo e desatento é mestre na arte de esbarrar derrubar e quebrar coisas. Leitor compulsivo e portador da doença "não dormi direito, pois estava assistindo séries". A frase que você mais vai ouvi-lo dizer é "To com fome" e tem o péssimo hábito de falar de si mesmo na 3ª pessoa.

0 comentários:

Postar um comentário